Retalhos e Devaneios

Retalhos e Devaneios

Páginas

domingo, 28 de abril de 2013

Minha solidão parte I

O fim de um relacionamento, principalmente relacionamentos como o  meu, no qual admiramos profundamente e amamos muito a pessoa que estava ao nosso lado é realmente muito difícil de superar. Uma etapa cruel e profundamente dolorosa. Por mais que tentemos ficar bem, ver pessoas e fazer coisas, não dá, é forçoso, é inútil, aí cansamos de tentar e nos jogamos fracos e entregues nos braços da solidão, tanto resistimos, a solidão é fria, a solidão é séria, é verdadeira demais, é real demais, mas não tem como fugir, é nos braços dela que nos entregamos definitivamente. Sua acolhida é a mais diferente de todas, nem uma palavra de consolo, nenhum afago, nenhum afeto, nada, mas aí vamos descobrindo que é nesse breu que encontramos nossas forças, que apenas encarando a solidão, nos sentindo derrotados, despedaçados que a vida vai voltando lentamente e forte. Eis um pouco da minha solidão. 






2 comentários: