Retalhos e Devaneios

Retalhos e Devaneios

Páginas

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Ainda na Saia Justa!

Mulheres, todas, ainda continuamos na saia justa! Vou explicar, as vezes perdemos a noção das coisas e pensamos que alguns hábitos sociais, melhoraram, evoluiram ou estão sendo superados, infelizmente alguns é puro engano, o MACHISMO, o abuso contra as mulheres não, ele não foi superado, apenas disfarçou-se, mas lá está. Homens continuam partindo contra mulheres como animais no cio, como se, alíás, tivessem obrigação, dever de assim agir.
Meu modo de vestir acabou me enganando um pouco, costumo andar na rua, quando sozinha, de saia longa, vestido longo, batinhas, porque acho confortável e como no trabalho não combinaria eu ir de saia curta, dificilmente as uso, mais em uma festa, etc, sempre com amigos, marido, colegas, efim. Perdi a noção de como as mulheres são bruscamente abordadas na rua, esses dias, nas férias, me deu vontade de tirar uma saia do fundo do ármario, o calor pedia. Coloquei, gostei, optei por um saltinho e sai até um café, três quadras da minha casa, na luz do dia. Sério, achei que não ia chegar até lá sem ter que brigar ou pedir socorro a alguém. Tive que ouvir  palavras grosseiras, aturar esbarrão, olhares, enfim, um desrespeito, uma grosseria sem igual. Cheguei no café me sentindo muito mal, fiquei realmente perplexa com a sociedade que vivemos, usar uma saia mais curta é como se pedíssemos para sermos desrespeitadas, depois falam mal das burcas, o que é isso? Será que só somos respeitadas se escondermos nosso corpo? Será que ainda se vendem a idéia que a mulher "pede para ser abusada"? Até quando vamos criar homens como touros e mulheres como produtos?
Indiferente da roupa, da condição social, da sanidade mental, do lugar, do compartamento, do comprimento da saia, do país, do tamanho da bunda, do trabalho e aqui insiro as prostitutas, todas nós somos dignas de respeito. E homens deixem de ser ridículos nenhuma mulher que não esteja sofrendo grave problema emocional, ou algum trauma, gosta de piadinha na rua, temos nojo, nojo, porque o machismo e o abuso é nojento! Saiamos da saia justa, mesmo quando curta, e sim, justa!
Essa imagem de uma passeata, não sei qual ao certo, andou rolando no face, se alguém sober de quem é os créditos me passe, não gosto de postar imagens que não são minhas sem dizer a fonte. Me passei porque ela tem tudo a ver com o assunto e eu adorei a idéia dessa menina, é bem isso mesmo, respeito é o que queremos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário