Retalhos e Devaneios

Retalhos e Devaneios

Páginas

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Não deu!.... em partes!

Que horror! Blog jogado as traças!! Dois meses sem uma mísera palavra, sem entrar, nada! Bom, sem choro, estava largado porque eu não tinha tempo pra nada e odeio fazer coisas que não sejam pra valer. Se é pra entrar e postar qualquer bobagem, sem deixar claro o que penso, nem entro, uma posição bem pessoal. Além do mais, prometi este ano que me cobraria um pouco menos, do tipo, se não dá pra fazer, não dá e pronto, chega de delírio. E já que estou falando em algo que prometi para mim mesma, fui catar a pouco, onde tinha anotado minhas metas para 2011, foi o primeiro ano que fiz isso, e aff tive que dar umas risadas sozinha agora. Olha a lista:
1- Fazer teatro!
2- Ser mais tranquila no, e com, meu trabalho,
3- Não me cobrar tanto,
4- Fazer yoga,
5- Fazer meditação,
6- Fazer terapia com máxima urgencia,
7- Espiritualizar-me, procurar um centro budista ou algo assim.
kkkkkkk pelas metas percebi a loucura e insanidade da pessoa, é de rir ou chorar? Devaneios é pouco pra definir tamanho surrealismo. Mas, pois bem, merece alguns comentários, afinal cumpri várias hehehe!
1- Não é que fiz dois cursos de teatro? Fiz sim, lindos, maravilhosos, cresci muito com eles, pretendo... sei lá... talvez continuar,
2- Olha juro que me esforcei, acho que consegui ser mais tranquila sim, mais leve, longe do ideal, mas foi a meta que mais lembrei,
3- Idem a dois, cumpri em parte, difícil tarefa de não ser a carrasca de si,
4- Sim comecei em abril, mas agora assídua e feliz, maravilhoso.
5- Não, íh nem procurei,
6- Sim, pra ser sincera uma com terapia alternativa e outra com uma psicóloga, mas estava ficando esgotada, e mais doida, além do que, comprometendo o ítem 3, então larguei momentaneamente a psicóloga,
7- kkkkkkk nem procurei, preciso rever este ítem.
Concluindo, até que o saldo foi positivo, e 2011 foi um ano intenso, um dos anos mais reveladores da minha vida, o ano que mais aprendi, apesar dos pesares, diria que 2011 foi um ano PAIXÃO, aquele que te faz chorar, rolar, suspirar, que machuca, mas que depois dele você sai mais madura, mais forte, mais verdadeira e que não esquece. Preciso fazer minha listinha para 2012. Ah e ainda falar muito de 2011 deixei de postar muitíssimos assuntos que merecem um post, nem que seja pra mim mesma. Retrospectiva que seja!
ps: a imagem é uma fotografia de umas flores que recebi dos alunos, postei sei lá, porque foi algo de bom no ano que está indo, ah sei lá!