Retalhos e Devaneios

Retalhos e Devaneios

Páginas

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Teatro: Jogue-se!

A origem do teatro está ligada as festas ao deus Dionísio, Grécia Antiga, consta que num dos rituais, a bebedeira pegou e alguém gritou: "Eu sou Dionísio", estava lá nosso primeiro ator. Fiquei pensando nesse episódio, o teatro surgiu do êxtase, da bebedaira, da adrenalida, da paixão, dos sentimos ao extremo. E assim ele sobrevive, mantendo essas mesmas emoções.

Desde criança adorava teatro, brincava de teatro e amava teatrinhos na escola. Gostava de dirigir e interpretar. Aos 18 fiz um curso amador e livre, mas vem a vida dá uma guinada e nos perdemos de nossos prazeres.

Confesso que até tinha esquecido disso, hoje estou já com 29 anos, mas há uns dois anos atrás sentia um incomodo constante, como se minha consciência dissesse: Juliana chega de negar o que te deixa viva. Não adianta estar vivo se não se viver. Nunca é tarde pra fazer o que te faz viva!

Por dois anos a tal voz falava comigo, até que começou a gritar, então procurei um curso para iniciantes, na Casa do Teatro em Porto Alegre. Fui, morrendo de medo, de vergonha, de dúvida, mas fui, precisava fazer o que eu queria e eu queria. O curso foi super maravilhoso, pude sentir todas as emoções que deram origem ao próprio teatro. Ao final percebo que vale a pena ouvir a voz dos nossos sonhos!



"Torna-te aquilo que és..."
Friedrich Nietzsch




Créditos de Luciane Pires Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário